Municípios do Agreste criam rota da moda para melhorar o túrismo em Pernambuco

 Aconteceu na manhã
desta quarta-feira (28) na Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, um encontro
que visa tratar sobre roteiros que irão ser apresentados aos turistas de todo o
país nas cidades que compõem ou margeiam, o Polo de Confecções. Com o objetivo
de disseminar os aspectos característicos de cada município, a ‘Rota da Moda’
vem para revolucionar a exploração turística.
 Diante
das discussões sobre a funcionalidade desta Rota, os presentes puderam
apresentar quais seriam as formas de divulgação de sua cultura. Inicialmente a
distribuição de folhetos serão as primeiras medidas, bem como a possibilidade
de apresentar os roteiros no Festival do Jeans em Toritama e durante a realização
do São João da Moda em Santa Cruz do Capibaribe, além de outros festejos na
região em parceira com a EMPETUR (Empresa de Turismo de Pernambuco).
 O Rota da Moda tem por objetivo atender
a demanda de turistas que visitam as cidades que fazem parte desse projeto.(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Com
divulgação de seus espaços de lazer e turismo, o projeto irá ser fundamental
para levar ao conhecimento dos visitantes, todas as atrações turísticas que
podem ser encontradas, bem como a gastronomia, hospedagem e infraestrutura
local. O projeto é resultado de um conjunto de ideias que já vem sendo
implantados pelos municípios visando à exploração de suas riquezas naturais e
históricas.

 Estiveram
participando deste encontro, gestores de turismo de Toritama, Riacho das Almas,
Agrestina e Santa Cruz do Capibaribe. A secretária de Governo e Desenvolvimento
Social, Alessandra Vieira, e o gestor de turismo de Santa Cruz, Cláudio Soares,
lideraram o debate sobre o tema.

 

 “É importante salientar que Santa Cruz
do Capibaribe como liderança dessa microrregião, precisa abrir esse caminho que
estamos traçando com os municípios que irão aderir ao Rota da Moda. Criando
assim destinos turísticos com divulgação ampla no Ministério do Turismo e na EMPETUR.
Vamos abrir esse leque de opções que é o turismo de negócios para que possamos
divulgar as riquezas que temos. A força que este Polo tem, precisa ser
explorada por cada município”, frisou Cláudio Soares, gestor de Turismo e Lazer
de Santa Cruz do Capibaribe.

  O presidente da Associação de Gestores
de Turismo de Pernambuco (ASTUR/PE), Josenildo Santos, que também é secretário
de Cultura e Turismo de Agrestina, pontuou as especificidades que credenciam a
criação desta rota, e citou como exemplo a Rota 104, projeto que deu certo e
ganhou a parceria da EMPETUR.

 

 

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

“Vemos com bons olhos por diversos
motivos, a Rota 104 foi a primeira a criar esse projeto e com seu sucesso,
podemos buscar explorar essas peculiaridades de cada região do nosso estado. A
ASTUR, na qual estou à frente, se coloca disposição para ajudar esses
municípios que queiram ser incluídos no mapa dessas rotas. Partindo do
princípio que nós criamos a Rota 104, vamos discutir com outros municípios que
estejam buscando essa sua divulgação”, pontuou.

 Foram convidados para participar desta
reunião, os municípios de Jataúba, Brejo da Madre de Deus, Toritama,
Taquaritinga, Vertentes, Frei Miguelinho, Surubim, Vertentes do Lério, Santa
Maria do Cambucá, Riacho das Almas e Caruaru.
Do: Blog Agreste Notícia



COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here